Home / Capa / Justiça do Trabalho condena Centauro por submeter empregados a ‘exame antidoping’

Justiça do Trabalho condena Centauro por submeter empregados a ‘exame antidoping’

Justiça do Trabalho condena Centauro por submeter empregados a ‘exame antidoping’

A Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho condenou a Centauro Esportes a pagar R$ 80 mil de danos morais coletivos, além de R$ 5 mil por empregado, por fazer exames ‘antidoping’ em seus funcionários.

O Ministério Público do Trabalho ajuizou ação civil pública contra a empresa por submeter seus funcionários a exames para detecção de uso de drogas e álcool. Segundo a ação, funcionários eram sorteados pelo número da matrícula para passar pelo teste. Os selecionados eram alvo de brincadeiras dos colegas.

O entendimento do MPT é que havia abuso de poder diretivo da empresa e, por isso, exigiu que fossem cessados os exames.

Segundo o TST, a empresa justificou que nunca submeteu os seus trabalhadores a situações humilhantes e constrangedoras, mas confirmou a realização dos testes tendo como intuito a promoção de ambiente seguro e saudável.

Segundo a decisão do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, responsável pelos casos de Minas Gerais, os exames violavam o direito à intimidade, à honra e à imagem dos trabalhadores. “O que não se admite é que seja adotada conduta discriminatória e constrangedora em face dos trabalhadores pela realização de exames toxicológicos aleatórios”, observou o Tribunal Regional.
A Centauro foi procurada, mas, até a publicação, não havia respondido.

http://www.otempo.com.br/capa/economia/justi%C3%A7a-condena-centauro-por-submeter-empregados-a-exame-antidoping-1.1508780




Check Also

Pai de nove filhos com a mesma mulher pede divórcio ao descobrir que é infértil

- Click aqui e cadastre-se GRÁTIS e receba notícias, informações e promoções do PODER JURÍDICO …

De olho na Lei Seca: legislação fica mais rígida; entenda

De olho na Lei Seca: legislação fica mais rígida; entenda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *